A nova face do escritório

Home / Blog / A nova face do escritório

A nova face do escritório

O papel do trabalho físico está mudando.

Em 2020, o principal objetivo do escritório será para apoiar a colaboração, tanto em termos de espaço físico como através da tecnologia da informação (TI).

Não é exatamente novidade em dizer que a colaboração ajuda mais as pessoas do que seria por conta própria. Mas é um pouco mais complicado do que isso. Johnson Controls “estudo” 2020 Collaboration”, observa que mais de dois terços dos entrevistados veem a colaboração como fundamental para melhorar a eficácia dos funcionários (68,2%), eficiência (66,7%); criatividade e inovação (66,9%) e desempenho operacional (67 %).

“A colaboração não é apenas hype”. “As pessoas colaboram para aumentar a satisfação do cliente.” E nós estamos falando sobre a colaboração tanto a nível estratégico quanto operacional.

Há diferenças sutis, porém, na forma como a colaboração acontece em diferentes segmentos de atividade, segundo o estudo. No setor de ciências da vida, por exemplo, a colaboração ocorre tanto dentro das empresas individuais e através deles. Entrevistados observou que as fronteiras entre empresas são cada vez mais confuso como redes de valor tornam-se mais integrado. O setor de tecnologia, porém, descobriu que a mudança para trabalhar em PCs e smartphones fez trabalhar muito anónimo e as empresas estão olhando agora para trazer a colaboração de volta à tona, fisicamente, em um espaço de trabalho, bem como virtualmente.

Os pesquisadores descobriram que os trabalhadores de colarinho branco sinto que há várias maneiras de conseguir a colaboração e que varia de acordo com nível dentro da organização.

O estudo também encontrou uma correlação clara entre a forma como o trabalho de conhecimento intensivo é, e quanto tempo o trabalhador gasta em atividades colaborativas. Em suma, os trabalhadores do conhecimento interpessoal, especialistas no assunto, executivos, gerentes e supervisores – que são tipicamente mais alta de uma empresa trabalhadores pagos – muitas vezes gastam 70% a 80% do seu tempo colaborando. Os trabalhadores mais conhecimento em uma empresa, a maior consideração a empresa deve dar para apoiar a colaboração através de ambos os espaço de trabalho e tecnologia.

por Beth Leibson

Contato

Envie sua mensagem, responderemos com velocidade.